Possuir uma loja de bebidas pode ser um negócio lucrativo. Em janeiro de 2021, as vendas de destilados, cerveja e vinho nos Brasil totalizaram R$ 5,32 bilhões. Abaixo está um guia completo sobre como abrir uma loja de bebidas. Esta publicação incluirá todas as etapas importantes. Do motivo pelo qual você deve abrir esse tipo de negócio para custos e regulamentações. E tudo mais.

Por que você deve abrir uma loja de bebidas

Uma loja de bebidas não precisa necessariamente ser uma empresa autônoma. Quando se trata de varejo, eles são flexíveis. Considere alguns dos nomes que eles usam. Como a loja de garrafas, a loja de embalagens e a loja de vinhos. A loja de bebidas também pode fazer parte de uma mercearia.

Aqui estão outros motivos para abrir um negócio como este

Eu sou à prova de recessão. Mesmo quando a economia cai, a demanda por bebidas alcoólicas aumenta.

O estoque tem uma longa vida útil. Alguns vinhos precisam ser armazenados em locais escuros. Mas a maior parte do estoque em uma loja de bebidas é estável.

A demanda não é sazonal. O licor é bom para qualquer evento em qualquer época do ano.
Marcas concorrentes podem ser armazenadas. Pode ser uma válvula de escape para Johnny Walker ou Jack Daniels. O melhor de tudo é que cada um faz seu próprio marketing.

Claro, como dono de uma loja de bebidas, você pode ser seu próprio patrão.

Quanto custa e como abrir uma loja de bebidas?

Se você deseja abrir uma loja de bebidas, pode esperar gastar entre R$ 50.000 e R$ 100.000, no mínimo. Os custos variam de itens como estoque e equipamentos a requisitos legais e de pessoal. Abaixo está uma análise de alguns elementos.

Qual o lucro de uma distribuidora de cerveja pequena?

O dinheiro que os donos de lojas de bebidas precisam para estocar as prateleiras pode chegar a R$ 35.000. Você vai precisar de uma boa seleção de cervejas, vinhos e destilados.

Reformas, como novas prateleiras e prateleiras, podem custar até RS 20.000.

Seguros, como indenização trabalhista e seguro de responsabilidade civil, podem custar R$ 2.400 em prêmios.

Existem outros custos envolvidos na abertura de uma loja de bebidas. Mas isso dá a você um ponto de partida.

Iniciando um negócio de loja de bebidas: 19 etapas importantes

Todas as lojas de bebidas começam como ideias. Um dos primeiros desafios é transformar uma noção em realidade. As etapas a seguir irão guiá-lo através do processo de aquisição de uma loja de bebidas.

Qual o lucro de uma distribuidora de cerveja pequena

1. Pesquise a indústria de lojas de bebidas e conheça-a bem.

Conhecer este negócio significa fazer pesquisas. Basicamente, você deseja coletar dados sobre seus clientes e o setor. A ideia é otimizar sua estratégia de negócios.

Uma boa pesquisa não precisa custar muito.

O Google Trends é uma boa ferramenta. Você pode inserir termos de pesquisa para descobrir o que está acontecendo em sua área ou em todo o país, exemplo de pesquisa: como abrir uma loja de bebidas

Veja aqui a lista de outras excelentes ferramentas de pesquisa de mercado e indústria.

Outros locais onde procurar informações são as associações comerciais da indústria e os organismos locais de desenvolvimento industrial.

2. Crie um plano de negócios

Se você procurar as palavras-chave certas no Google, poderá encontrar um modelo de plano de negócios online para uma loja de bebidas. Mas você ainda precisa se certificar de que é profissional e completo.

Aqui estão algumas coisas para manter na mente.

  • Enfatizar a combinação de dados demográficos e localização ajudará a convencer os credores. Destaque como a propriedade e o gerenciamento diários funcionam ao descrever o modelo de negócios.
  • O plano de marketing para lojas de bebidas é crucial. O Facebook e o Google não permitem a comercialização de bebidas alcoólicas. No entanto, uma nova empresa pode usar diretórios e outros locais online como o Yelp.
  • O plano de negócios deve conter projeções financeiras. Isso deve incluir fluxos de caixa e uma previsão do balanço.

Essas são outras áreas que as novas lojas de bebidas devem cobrir em um plano de negócios.

Aqui está um modelo para você começar. Lembre-se de que você pode consultar esses planos de negócios assim que estiverem abertos.

3. Conheça o seu mercado-alvo

Os proprietários das lojas precisam saber quem são seus clientes. Você precisa saber qual é o seu mercado-alvo ao abrir uma loja de bebidas. Aqui estão algumas caixas que os proprietários de lojas devem verificar.

Compreender os benefícios que sua empresa oferece ajuda a definir em quem você deve se concentrar. Descubra quem se beneficiará mais com sua loja de bebidas. Considere dados demográficos, como sexo e nível de renda. Quem tem maior probabilidade de fazer uma compra?

A localização é importante. É provável que suas vendas de bebidas alcoólicas sejam relevantes para apenas uma área. Encontre seus clientes usando recursos geográficos. Isso torna o atendimento ao cliente personalizado.

Dê uma olhada na competição. Os clientes que eles têm podem ser aqueles que você deseja. Obter informações sobre as estratégias de seus rivais pode ajudar.

A veiculação de anúncios de teste também pode ajudá-lo a definir seu mercado-alvo. Confira o Google Ads.

4. Encontre um nome comercial para sua loja de encomendas.

Uma grande parte de uma entidade empresarial de sucesso é a marca. E isso significa que as novas lojas de bebidas devem ter um bom nome. Use estas dicas para começar.

Pense no seu estoque e serviços

Pense no que torna seu inventário diferente da concorrência. Talvez você esteja se concentrando em destilados e vinhos ou cervejas artesanais? Uma nota de cautela ao montar esta lista. Cuidado com os termos que podem limitar o crescimento futuro de suas lojas de bebidas.

Palavras que rimam são cativantes. Eles são grandes nomes comerciais. É melhor evitar siglas e iniciais, pois são difíceis de lembrar. Você pode usar os termos geográficos a seu favor. Como os estados e regiões, os apelidos de cidades e bairros.

5. Escolha o local perfeito

O local certo é importante para um fluxo constante de clientes. Há vários fatores a serem considerados. Amplo estacionamento e acessibilidades são dois.

A pavimentação e o tráfego rodoviário devem ser considerados. A possibilidade de coleta na calçada deve ser adicionada ao procurar um local de varejo.

Há muitas coisas a serem examinadas antes de investir em qualquer área.

6. Garanta financiamento para sua loja de vinhos

Seu novo negócio precisará de dinheiro para começar. Existem várias maneiras de os empreendedores obterem financiamento. Você também pode conseguir algum interesse de investidores.

Aqui estão algumas outras opções.

A maioria das novas empresas usa as economias ou reinvestem os lucros após o início.

Os subsídios para pequenas empresas são de tipos diferentes. Procure opções federais, estaduais ou regionais.

7. Registre uma empresa (pessoa jurídica)

O registro de lojas de bebidas iniciantes como entidades comerciais é um passo importante. Você pode escolher entre vários tipos, incluindo LTDA, MEI, ME ou EIRELI.

Uma sociedade de responsabilidade limitada é flexível no tipo de estrutura de gestão que possui. Eles também fornecem tributação de transferência. Isso significa que a própria empresa não paga.

Se você deseja que sua empresa abra o capital, uma corporação é a escolha certa.
As parcerias são mais informais. Existem várias versões que podem afetar as obrigações fiscais de cada parceiro.

Uma empresa unipessoal é o caminho a percorrer para evitar a dupla tributação. No entanto, esse tipo de entidade comercial deixa o proprietário exposto à responsabilidade. Entre em contato com um advogado que o orientará durante o processo.

8. Crie uma conta bancária corporativa

A próxima etapa é obter uma conta bancária empresarial que vem com um cartão de crédito empresarial. Os requisitos são diferentes em cada estado, mas aqui estão algumas informações gerais.

Você precisará abrir a conta visitando o banco pessoalmente. Traga um documento de identidade oficial com foto e alguns extratos bancários, bem como seu endereço residencial.
Seu negócio deve ser registrado nos Brasil.

Você pode precisar trabalhar com um advogado primeiro para estabelecer sua entidade comercial nos Brasil.

As lojas de bebidas também precisam de um local físico nos Brasil. Algumas empresas podem usar um escritório de advocacia ou outros agentes registrados.

Finalmente, você também precisará de um número de identificação do empregador (EIN) para obter uma dessas contas. Investir em uma dessas ferramentas é uma ótima ideia de negócio.

9. Conheça os impostos

As lojas de bebidas alcoólicas pagam impostos como outras empresas.

Sua empresa pagará um imposto estadual sobre as vendas de álcool no varejo.
Pode haver um imposto adicional sobre o álcool em condados e cidades.

Abaixo está uma análise dos impostos que você pode esperar pagar em diferentes bebidas.

qual o lucro de uma distribuidora de cerveja pequena

10. Adquira uma licença para álcool e autorizações

Uma licença para bebidas alcoólicas dá à sua empresa autoridade para servir bebidas alcoólicas. Cada estado tem regras de licenciamento individuais. Alguns até têm licenças pagas.

Cada estado tem um Conselho de Controle de Bebidas Alcoólicas (CCBA) que supervisiona a distribuição, vendas e fabricação. Várias definições de estado incluem algumas das seguintes:

  • Quanto você pode cobrar.
  • Quanto você pode servir a um cliente.
  • Quem você pode servir.
  • Quem pode servir álcool e em que tipo de embalagem.
  • Os horários e locais onde o álcool pode ser servido.

A primeira etapa é entrar em contato com o painel de controle de álcool correto.

11. Obtenha seguro empresarial

Possuir esse tipo de negócio pode ser lucrativo. Mas isso traz muitos riscos, e é por isso que você precisa de um seguro na loja de bebidas. Aqui estão alguns tipos de que você precisa.

Seguro de responsabilidade. Isso cobre todos os incidentes com clientes em sua localização.
Cobertura de responsabilidade de licor. Isso ajuda a resolver reclamações de terceiros contra alguém sob a influência.

Remuneração de trabalhadores. Ele cobre perda de rendimentos e despesas médicas quando os funcionários são feridos no trabalho.

Proteção de dados. Isso cobre reivindicações de compensação quando os dados são roubados ou hackeados.

Sua empresa de bebidas também pode querer um seguro de responsabilidade civil geral. Isso cobre quaisquer outras despesas não cobertas por uma apólice de responsabilidade geral. Verifique os regulamentos do seu estado.

12. Projete sua marca

Seu negócio de bebidas deve ter uma boa marca. Logotipos diretos e simples funcionam melhor. Não se esqueça de implementar os direitos autorais de “todos os direitos reservados”.

Certifique-se de que o design funciona em sites para celular e anúncios online. Use layouts e fontes que podem se adaptar para imprimir e manter a consistência.

Não tenha medo de mudar as coisas à medida que seus negócios progridem. Algumas recomendações dizem que o rebranding deve ser feito a cada cinco anos.

13. Defina seus preços

Determinar o preço do seu licor significa fazer uma pequena pesquisa como revendedor. Aqui estão algumas boas idéias para manter seus clientes satisfeitos e custos razoáveis.

Tamanho do pagamento

Uma das formas mais comuns de definir o preço das bebidas é usar a chamada medida de pagamento. É simples. Basta pegar o preço que custa para fazer a bebida.

Em seguida, divida por quem você planeja vendê-lo. Se esses números não funcionarem, você pode ajustar o tamanho do depósito. Essa é uma boa maneira de abrir uma loja de varejo.

Quatro tipos

O licor também pode ser dividido em quatro classes. Os licores caseiros baratos devem ter o preço mais baixo. Em seguida, vêm aqueles que os clientes chamam pelo nome, como Bacardi.

Premium é o nome dado a certas marcas de alta qualidade. Os mais caros são os destilados super premium, como Johnny Walker.

14. Planeje seu marketing

Essas lojas são muito competitivas. Isso significa que você precisará planejar cuidadosamente seu marketing para atrair sua base de clientes.

Um bom site é essencial. Certifique-se de que é compatível com dispositivos móveis. Isso significa usar imagens e textos de produtos que fiquem bem em smartphones e laptops.
Use a mídia social para marketing, mas seja seletivo.

Uma página do Facebook permite que você atinja seu público-alvo e não custa nada para começar.

Sua empresa também pode fazer parceria com distribuidores locais. Não se esqueça de listar seu nome nos diretórios de negócios também.

15. Armazene seu inventário

Ser capaz de armazenar seu inventário e controlá-lo é importante. Um sistema POS pode dar muito trabalho quando se trata de gerenciar o estoque de uma loja de bebidas.

Eles podem ajudá-lo a gerenciar esse tipo de negócio por meio de um hub central. Você pode gerenciar e rastrear seu inventário em tempo real.

Gere relatórios de vendas para que você saiba quais destilados estocar. Esses sistemas até rastreiam as vendas em tempo real.

Um bom sistema de ponto de venda também pode rastrear a contagem de checkout à medida que o estoque é colocado.

Você pode começar com uma planilha de inventário de bebidas como esta.

16. Contrate uma equipe

Excelente atendimento ao cliente é importante para essas empresas. Sua equipe deve incluir caixas, gerentes administrativos e supervisores.

Esta é uma descrição geral e talvez você consiga fazê-la com menos funcionários. Lembre-se de que haverá custos adicionais. Tais como seguro de acidentes de trabalho, contribuições para saúde e quaisquer férias pagas.

17. Crie várias fontes de renda para sua loja de vinhos.

Existem muitas coisas diferentes que podem ser feitas para criar vários fluxos de receita. Você pode competir com as lojas de conveniência oferecendo lanches e se tornando um revendedor de sorteios.

  • Você também pode oferecer brindes e outros itens promocionais.
  • Um serviço de entrega é outra maneira que as lojas de bebidas alcoólicas podem ganhar um pouco mais de dinheiro.
  • Aumente suas margens de lucro apontando os pontos disponíveis nas compras com cartão de crédito.

18. Faça um grande lançamento de abertura

O lançamento deste tipo de negócio envolve muita abertura. Comece definindo como você anunciará. Campanhas de mídia social e rádio, televisão e jornais podem trabalhar juntos.

Certifique-se de ter um orçamento para o evento. A escolha de uma data não é arbitrária. Você terá que escolher a hora e o dia com base em seus clientes.

Tenha cuidado para não entrar em conflito com outros eventos locais ou grandes vendas. Convide amigos e tantos influenciadores quanto possível.

19. Seja um dono de loja de bebidas de sucesso

Parabéns, uma vez que você abriu sua loja. Mas lembre-se de que qualquer negócio de sucesso requer esforço constante. O treinamento constante da equipe aumentará sua receita e melhorará a experiência do cliente.

Todos os seus esforços de marketing devem ser monitorados. As estratégias online podem ser observadas por meio de análises. As campanhas de mídia social podem ser alteradas conforme necessário.

Ter um bom sistema de POS significa que você pode acompanhar outros detalhes importantes, como o estoque.


Coisas que os proprietários de empresas devem pensar antes de abrir uma loja de bebidas

Existem desafios e questões a serem considerados antes de abrir uma loja de bebidas. É um grande negócio. Portanto, você precisa verificar e considerar as caixas abaixo para ter certeza de que está pronto.

Custos para possuir uma loja de bebidas

Os donos de lojas de bebidas alcoólicas precisam pensar nos custos. Como requisitos legais e outros. Ninguém quer ignorar esses aspectos.

  • Certificados de conformidade local, licenças de álcool e autorizações são o que você precisará resolver como uma startup. As taxas de licença podem aumentar.
  • Você também precisará de seguro e um excelente sistema de POS. Não se esqueça de que você deve aceitar cartões de crédito e outros tipos de pagamento.
  • Um abastecimento constante nas prateleiras também é importante. Esses custos de estoque podem mudar, portanto, você precisará de um bom relacionamento com seu distribuidor.
  • Você precisará de um local físico em um estado específico. E o capital se quiser alugar, comprar ou construir. Certifique-se de que haja espaço suficiente e o zoneamento correto.

Não se esqueça de estabelecer sua loja como uma pessoa jurídica. Talvez seja necessário um advogado de negócios para fazer esta parte.

Fique atento as leis

As leis do álcool mudam com bastante frequência e de estado para estado. Aqui está uma referência que você pode usar para ver o que se aplica a onde você está. A lei mais importante que rege todas as políticas relacionadas ao álcool é a 21ª Emenda da Constituição.

Defina sua especialidade

Sua nova loja também pode ter um objetivo específico. Aqui estão algumas lojas de bebidas especiais que são boas.

  • As lojas de vinho atendem a uma clientela específica de alto padrão. Eles oferecem uma variedade de vinhos nacionais e internacionais e têm eventos como degustações. Eles podem ser classificados em lojas de vinho.
  • Outros combinam destilados, cerveja e vinho. Seu estoque é maior e eles podem até ter charutos e cigarros. A classificação aqui é lojas de bebidas.
  • As cervejarias são outra especialidade.

Aqui está uma lista das melhores cervejarias brasileiras.

Freqüentemente, há muitas diferenças no tipo de álcool vendido.

Regulamentos de idade para comercialização de álcool.

Na maioria dos estados, a idade legal para servir bebidas alcoólicas é 21 anos. Isso pode mudar e cair para 18 em algumas situações.

Como quando se trata de comida. Existem outras exceções. Mais da metade dos estados permite que menores consumam álcool durante uma cerimônia religiosa.

Servir álcool a um menor em seu bar é ilegal. Em estados como São Paulo, você pode ser responsabilizado por quaisquer danos ou ferimentos causados. Penalidades adicionais podem ser impostas ao titular da licença de uso de bebidas alcoólicas.

Como posso abrir uma pequena loja de bebidas?

Abrir sua própria loja de bebidas é valioso e desafiador. Comece com uma pesquisa do setor. Isso inclui pesquisar seus clientes favoritos antes de criar um plano de negócios. Há estoque, pessoal e marketing a serem feitos.

Você também deve cuidar de todas as questões legais, licenciamento e autorizações de álcool.

Não se esqueça que nenhum negócio, por menor que seja, exige um esforço constante.

Quanto custa para estocar uma loja de bebidas?

Esse custo dependerá do tipo de bebida que sua loja vende. Reabastecer uma pequena cervejaria só me custou alguns milhares de reais.

Uma caixa para uma loja de vinhos de luxo poderia facilmente custar mil reais. Se uma loja inteira de bebidas for fechada, o custo pode subir para R$ 300.000.

Qual é a margem de lucro em uma loja de bebidas?

A margem de lucro aqui varia entre 200 e 400%.

Como as lojas de bebidas alcoólicas aumentam as vendas?

Existem várias maneiras de sua loja aumentar as vendas, os lucros e o fluxo de caixa.

  • Ofereça descontos na compra de mais de um produto. Isso ajudará no seu fluxo de caixa.
  • Coloque itens de impulso em locais estratégicos.
  • Execute programas de fidelidade.
  • Combine produtos que dão ótimos presentes.
  • Agrupe oportunidades de publicidade com seus distribuidores e fornecedores.

Os cupons são outra excelente forma de aumentar as vendas.

Quanto ganha o dono de uma loja de bebidas por ano no Brasil?

Isso depende de alguns fatores diferentes. Uma loja de bebidas em um local ou estado menos desejável gerará até R$ 70.000 por ano. Outras empresas podem ganhar entre R$ 100.000 e R$ 150.000 em média.

A maioria dos proprietários ganha entre R$ 20.000 e R$ 50.000 anualmente.

Você pode gostar também…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *